comida

Doce pecado

Sorvete de casquinha sabor caramelo

A primavera já está aí… Na verdade, dentro de alguns dias começa oficialmente o verão, mas o clima quente ainda não chegou. Então, a temporada de sorvete vai começar devagar. Sem problemas! Sorvete é bom e muito querido… não só no verão, certo? Quem não gosta desse doce pecado?

 

No Brasil

Embora as temperaturas sejam mais altas que no norte da Europa, o sorvete é consumido basicamente no verão. Para os brasileiros, o sorvete considerado uma sobremesa típica do verão. O consumo anual de sorvete no Brasil fica em torna de 4 litros per capita. Não é muito se pensarmos num país tropical.

Em 1834 foi inaugurada a primeira sorveteria no Rio de Janeiro. Nessa época era bastante complicado estocar o sorvete sem que ele derretesse. Ele precisava ser vendido assim que o processo de fabricação estivesse terminado. Portanto havia um horário certo para consumir essa delícia. Os jornais anunciavam a hora certa de venda.

Sabores

Diz a lenda que Dom Pedro II – Imperador do Brasil – era louco por sorvete de pitanga. Hoje em dia os sabores de sorvete favoritos são outros:

1º lugar: Chocolate
2º lugar: Baunilha
3º lugar: Morango

Sabores de sorvete feitos de frutas tropicais –  pitanga, graviola, cupuaçu, entre outros – são facilmente encontrados nas regiões Norte e Nordeste. Em outras áreas, muitos desses sabores são até mesmo desconhecidos da grande maioria. Muitos fabricantes de sorvete têm tentado reverter essa situação e alguns já conseguiram introduzir esses sabores nas regiões mais ao sul.

Variações

picolé – o sorvete no palito
sacolé – dependendo da região brasileira o nome varia: chupe-chupe, dim-dim, geladinho ou gelinho.

Infográfico com vocabulário sobre sorvetes e picolésSó para lembrar: em Portugal peça um gelado. É assim que o sorvete é chamado nas terras portuguesas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *